Atalho para os sem escola

O Estado de São Paulo

Nos últimos meses de quarentena, a classe alta achou um caminho para resolver sozinha o fechamento das escolas. Mas para os mais vulneráveis, cujos pais estão servindo no bar, no restaurante ou vendendo nos shoppings, os atalhos possíveis podem comprometer o cuidado e até a vida das crianças. Elas são deixadas sozinhas em casa ou com irmãos mais velhos, sujeitas a acidentes domésticos, abusos e comportamentos de risco. Ou com vizinhos, o que muitas vezes não melhora a situação. Outra opção é ficarem nas ruas.

https://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,atalho-para-os-sem-escola,70003435300

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *