Inep lança portal que explica resultado da Prova Brasil a professores

Will Soares – Do G1 São Paulo
 
Números do exame serão ‘traduzidos’ em linguagem pedagógica.
Portal Devolutivas Pedagógicas passa a funcionar nesta quinta-feira (5). 

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) inaugurou, na tarde desta quinta-feira (6), um portal na internet para que professores possam estabelecer melhor o nível de aprendizagem dos alunos da educação básica brasileira. A plataforma Devolutivas Pedagógicas das Avaliações Educacionais traduzirá, para uma linguagem pedagógica, os números do resultado da Prova Brasil, principal exame do país para avaliar a qualidade da educação básica. O endereço do novo site é http://devolutivas.inep.gov.br.

Em entrevista ao G1, Chico Soares, presidente do Inep, explicou que a plataforma foi pensada especialmente para o professor e vai facilitar a vida do docente na hora do planejamento pedagógico. “Quero chegar nas escolas e não falar de números. Quero falar: ‘seus alunos aprenderam isso e não aprenderam aquilo’. Este é o esforço que estamos fazendo. Ele já existia anteriormente, mas foi potencializado com a plataforma”, afirmou ele.

A Prova Brasil, conhecida tecnicamente como Avaliação Nacional do Rendimento Escolar (Anresc), é uma avaliação censitária, da qual participam as escolas públicas com pelo menos 20 alunos matriculados na 4ª série (5º ano) e 8ªsérie (9º ano) do ensino fundamental nas redes municipais, estaduais e federal.

Ela faz parte do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) do MEC, e é um dos indicadores usados para calcular o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), divulgado pelo governo federal a cada dois anos. A última edição do Ideb foi divulgada em 2014.

Explicação pedagógica
De acordo com o Inep, esta é a primeira vez que os professores e gestores escolares receberão um parecer quanto aos resultados da Prova Brasil. A explicação pedagógica dos números do exame vai ajudar a interpretar o nível de proficiência dos alunos em língua portuguesa, matemática e no entendimento da pontuação da prova.

Banco de itens
A plataforma também explicará os objetivos curriculares do banco de items, as questões que caem na Prova Brasil, e os conhecimentos e habilidades de que os alunos precisam para responder à questão corretamente.

Comparação nacional
O Portal Devolutivas Pedagógicas também vai possibilitar a comparação dos resultados da Prova Brasil entre escolas e regiões. A estatística vai permitir a contextualização de fatores como níveis socioeconômico e de formação dos docentes.

Acesso público
Apesar da linguagem mais destinada aos docentes, o acesso à plataforma será público, conta Soares: “A linguagem será pedagógica, mas está disponível para quem quiser. Para as famílias, no entanto, temos outras plataformas para dar informações que eventualmente se queira. Temos o Inep Data, que sintetiza informações de matrícula, e o Portal Ideb, que permite saber o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de todas as escolas.”

Segundo o presidente do Inep ainda não há possibilidade de unir todas estas informações em um único portal.

 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *