Escolas, e agora?

Isto É

Na área da educação, o distanciamento social, mais que necessário para conter a disseminação do novo coronavírus, cobra um preço muito alto dos alunos, dos pais e dos responsáveis pelas instituições de ensino, sejam elas privadas ou públicas. Faça-se a ressalva, no entanto, que por mais complicada que a situação tenha ficado, ela é irrisória diante da prioridade de salvar vidas. Em São Paulo, por exemplo, o colégio Piaget é um entre as tantas escolas particulares que optaram pelo método de aulas online, na ausência das presenciais, com o conteúdo didático sendo repas-sado via tecnologia. No segundo dia de isolamento, os seus setecentos alunos foram direcionados para uma nova ferramenta: a vídeo-aula. E é assim, atrás da tela do computador, que os professores tentam a melhor forma de adaptação.

https://istoe.com.br/escolas-e-agora/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *