Volta às aulas pelo mundo: a experiência em diferentes países

Gazeta do Povo

Os efeitos da pandemia na educação foram sentidos das mais diversas formas por diferentes nações (veja abaixo). Se por um lado a Itália, que definiu a suspensão temporária das aulas logo na primeira semana de março, decidiu retomar as atividades escolares somente em setembro, há casos como a Dinamarca, que paralisou as aulas no dia 11 de março, mas voltou um mês depois, em 15 de abril. Há casos mais raros, como a Suécia, que suspendeu temporariamente apenas o ensino médio e superior e manteve os demais anos em funcionamento.
Para entender as experiências de outras nações processo de retomada das atividades escolares, a consultoria Vozes da Educação realizou um estudo com 20 países.


https://www.gazetadopovo.com.br/educacao/volta-aulas-mundo-experiencia-paises/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *