Primeira infância: família de classe D sofre mais impacto na pandemia

Agência Brasil/EBC

Famílias da classe D – com renda familiar média mensal de R$ 720 – foram as mais negativamente impactadas pela pandemia de covid-19 no que diz respeito aos cuidados com as crianças de até 3 anos.

Esse grupo (famílias da classe D) se sente mais triste, ansioso, sobrecarregado, exausto, impaciente e assustado que os demais. As famílias destacam que o fator financeiro é um ponto de atenção na forma como cuidadores têm lidado com a pandemia.

https://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2021-06/primeira-infancia-familia-de-classe-d-sofre-mais-impacto-na-pandemia

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *