Brasileiros vencem olimpíada internacional de matemática

Terra Educação – 07 de Junho de 2013

Equipe de jovens estudantes obteve medalhas de ouro e prata no Paraguai

 

Com medalhas de ouro e prata, Brasil terminou em primeiro lugar entre os países participantes da Olimpíada de Matemática do Cone Sul 2013 Foto: Divulgação
Com medalhas de ouro e prata, Brasil terminou em primeiro lugar entre os países participantes da Olimpíada de Matemática do Cone Sul 2013
Foto: Divulgação
O Brasil conquistou o primeiro lugar na 24ª Olimpíada de Matemática do Cone Sul graças ao esforço de estudantes que obtiveram duas medalhas de ouro e duas de prata na competição, realizada entre os dias 2 e 7 de junho em Assunção, no Paraguai. Delegações da Argentina, Bolívia, Brasil, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai participaram da olimpíada, destinada a alunos de 13 a 16 anos.

 

A competição contou com a participação de 28 estudantes de países da América Latina. Os estudantes se classificaram por meio de olimpíadas nacionais de matemática de seus respectivos países. Cada país é representado por uma equipe composta por até quatro estudantes e dois professores. O evento tem por objetivo a integração dos países da região e o intercâmbio de experiências acadêmicas entre alunos e professores.

Problemas da prova envolveram disciplinas como álgebra, teoria dos números e geometria Foto: Divulgação
Problemas da prova envolveram disciplinas como álgebra, teoria dos números e geometria

Foto: Divulgação

 

As medalhas de ouro foram trazidas ao País pelos estudantes Murilo Corato Zanarella, 15 anos, de Amparo (SP) e Victor Oliveira Reis, 16 anos, do Recife (PE), enquanto Daniel Santana Rocha, 16 anos, do Rio de Janeiro (RJ) e Pedro Henrique Sacramento de Oliveira, 13 anos, de Vinhedo (SP) receberam as medalhas de prata. A equipe foi liderada pelos professores Fabio Brochero Martínez de Belo Horizente (MG) e José Armando Barbosa de Fortaleza (CE).

 

Provas
As provas consistiam na resolução de três problemas de matemática, propostos pelos países participantes e selecionados por um júri internacional, composto pelos professores líderes de cada país participante. Os problemas das provas, aplicadas nos dias 4 e 5 de junho, envolveram disciplinas como álgebra, teoria dos números, geometria e combinatória. Os participantes tiveram quatro horas, em cada dia, para resolver três problemas de matemática. A soma dos pontos obtidos na solução de cada problema determinou os vencedores.

 

Participação brasileira na Olimpíada de Matemática
O Brasil participa do evento desde 1988 e já conquistou um total de 89 medalhas, sendo 22 de ouro, 38 de prata e 29 de bronze. No próximo ano, o evento ocorrerá no Uruguai.​ A participação do Brasil na competição é organizada pela Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM), iniciativa que visa estimular o estudo da matemática, contribuir para a melhoria do ensino no país, identificar e apoiar estudantes com talento para a pesquisa científica e selecionar e preparar as equipes que representam o Brasil em competições internacionais do gênero.

 

 

 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *